Taubaté vence o Nacional e volta ao G8

Em uma manhã inspirada e bom futebol o E. C. Taubaté venceu neste domingo o Nacional de virada pelo placar de 3 a 1. Os gols do taubaté foram marcados pelo atacante Caio Mancha que ao final pediu até musica no microfone da rádio Cacique de Taubaté.

53877521_2312536255644284_2172361417133391872_o

Atletas taubateanos comemoram o primeiro gol de Caio Mancha na partida – foto: Bruno Castilho/EC Taubaté

Jogo Disputado

Taubaté e nacional entraram em campo em busca da vitória. O nacional com 12 pontos seguido do Tauabté com 11, ambos buscavam os três pontos para voltar a ter chance entre o G8.

O Nacional abriu o marcador quando em bola levantada na área, o árbitro marcou toque de mão da zaga. Lance confuso mas o pênalti foi marcado aos 10 minutos de jogo. Danilo Negueba foi para a cobrança tocou no canto superior esquerdo de Robalo.

O Taubaté empatou um minuto depois com Caio Mancha. Pela esquerda, Danilo Tarracha foi a linha de fundo e cruzou, Danilo mancha bem posicionado antecipou ao zagueiro e de cabeça empatou com um belo gol.

Aos 19 minutos, o Taubaté vira, Juninho toca com categoria entre os zagueiros e Caio Mancha entra no espaço vazio e fica cara a cara com o goleiro Mauricio e toca com perfeição pra o fundo da rede, colocando o Taubaté na frente 2 a 1.

O Jogo bom destacava a vontade dos atletas taubateanos na disputa da bola. Moradei como sempre bem posicionado brilhava na marcação, Elivelton que retornou à equipe dava velocidade nas jogadas, princialmente com Erik, Juninho e Claudinho em busca do incansável Caio mancha que, apesar de sentir um torção no tornozelo no lance do segundo gol, não perdeu sequer um lance entre os zagueiros.

O Nacional também atacava levando perigo, com Danilo Negueba que  ao 30 minutos, pegou uma sobra de bola na entrada da área o mandou um fogueto, com a bola saindo por cima da trave com muito perigo.

NO final do primeiro tempo, Erik teve uma grande chance mas ao finalizar mandou a bola raspando a trave de Mauricio.

Ainda no primeiro tempo o Nacional criou mais duas boas chances de gol, aos 47 e 48 minutos com cabeçada de Bruno Sabino para ótima defesa de Rafael Roballo e com Caio mendes também de cabeça a bola toca na trave e sai.

Na etapa final. O Taubaté teve uma grande oportunidade com Juninho no primeiro minuto. O meia saiu driblando no meio campo, e na entrada da área  finalizou, a bola saiu com perigo pela linha de fundo.

O Nacional passou a buscar o gol de empate, avançando a marcação e jogando no campo do Taubaté. A equipe da casa procurava fechar o setor defensivo e sair nos contra-ataques como em duas oportunidades foram paradas pela marcação de impedimento de Juninho e Caio Mancha mal marcado pelo assistente.

Aos 42 minutos, o terceiro gol do Taubaté. Novamente Danilo Tarracha pela esquerda, cruza encontrando Caio Mancha na área que, entre os zagueiros,  de perna direita toca para o gol.

1f6ceeee-29a0-4425-b863-58b61525c987

Ricardinho, Caio Mancha e Juninho comemoram o terceiro gol taubateano –  foto: Bruno Castilho/EC Taubaté

Apesar do domínio da bola pertencer ao Nacional que jogava no campo adversário apenas em duas oportunidades levou perigo ao gol de Roballo. Uma delas com Emerson Mi, Roballo realizou boa defesa e no ouro lance, Tiago Elias desvia para o gol em bola cruzada, Ricardinho em cima da risca evita o gol adversário.

Final a brilhante vitória do Taubaté, agora com 14 pontos, favorecido com os demais resultados da rodada alcança a 8ª colocação.

O próximo compromisso será novamente no Jaoquinzao diante da Portuguesa Santista na quarta-feira (20) às 20h00.

Destaques da partida, a entrega dos jogadores do Taubaté e o apoio da torcida do inicio ao final do jogo.

Ficha Técnica

12ª rodada da fase de classificação do Campeonato Paulista da Série A-2

Estádio Joaquim d’e Morais Filho  em Taubaté – 17-03-2019 – 10h00

EC Taubaté 3 x 1 Nacional

E. C. Taubaté: Rafael Roballo; Jean, Cesinha, Henrique e Danilo Tarracha; Moradei, Elivelton (Ricardinho), Erik (Márcio Passos) e Claudinho (Hyago); Juninho e Caio Mancha
Técnico: Paulinho MacLaren

Nacional: Maurício; Léo Cunha (Thiago Elias), Jeferson, Everton Dias e Bruno Sabino (Léo Rocha); Caio Mendes, Danilo Negueba, Everton Tchê e Emerson Mi; Michael Tuíque (Matheus Ortigoza) e Matheus Lú
Técnico: Jorginho
Gols:  1º tempo: Danilo Negueba (N) (pênalti) aos 10′,  Caio Mancha (T) aos 11′, aos 19′. 2º tempo: Caio Mancha (T) aos 42′.

Árbitro: Alessandro Darcie – Árbitros Assistentes: Rafael Tadeu Alves de Souza e Luís Felipe Prado Silva
Cartões amarelos: Claudinho, Juninho e Rafael Roballo (Taubaté)

Público: 640 pagantes
Renda: R$ 8.277,00

Classificação após a 12ª rodada

1º Água Santa – 25

2º XV de Piracicaba 23

3º Rio Claro 21

4º Portuguesa Santista 20

5º Juventus 19

6º Inter de Limeira 17

7º Votuporanguense 15

8º Taubaté 14

9º Santo André 14

10 Sertãozinho 13

11º Linense 13

12º Atibaia 13

14º Portuguesa 11

15º Penapolense 10

16º São Bernardo 9

(*) Para fechar a rodada, jogam hoje (17) às 19h00 Inter de Limeira e Portuguesa Santista e amanhã (18) XV de Piracicaba e Juventus

VEJA OS TRÊS GOLS DE CAIO MANCHA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s