TAUBATÉ VENCE ESMAC E GARANTE VAGA NAS QUARTAS NA SÉRIE A2 DO BRASILEIRÃO FEMININO

hoje 2

De forma invicta, o Taubaté está nas quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série A2. Jogando nesta quarta-feira, as Meninas do Burro venceram o Esmac-PA por 2 a 0, no Joaquinzão, avançando para a próxima fase do mata-mata da competição nacional, a que decidirá o acesso para a elite.

Após empate em 0 a 0 no jogo de ida, o Alviazul dominou a partida em casa e marcou ainda no primeiro tempo com as artilheiras Ariel e Mylena Carioca. Na etapa final, a goleira Yolanda ainda defendeu um pênalti para ajudar a garantir a classificação taubateana.

Nas quartas de final, o Taubaté terá como adversário o São Paulo, outro time invicto na competição. As duas partidas ainda terão datas agendadas pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol), e acontecerão depois da Copa do Mundo. O primeiro jogo acontece no Joaquinzão, e o segundo na capital paulista, e o time classificado garante o acesso para a primeira divisão.

hoje 1

O JOGO.

No primeiro tempo o Taubaté teve a maioria das oportunidades, empurrando o adversário para seu campo. O primeiro gol saiu aos 23 minutos, quando Ariel fez jogada com Lucélia e a bola sobrou para a própria camisa 9 balançar a rede: o quinto gol de Ariel no Brasileiro. Pouco tempo depois, após jogada pela direita, Mylena Carioca mostrou oportunismo e marcou o segundo da partida, e também seu quinto na competição.

O Burro ainda teve mais chances de marcar com a própria Ariel, que por pouco não conseguiu um drible na goleira adversária, e em jogadas de bola parada cobradas por Rafa Marques. A primeira etapa, no entanto, não teve mais gols.

Na volta do intervalo, o Alviazul continuou em cima. As meninas pressionaram o time paraense, em busca do terceiro gol, e seguiam criando chances. Destaque para nova chance de Ariel, em perigoso cruzamento pela direita cortado pela zaga, e para Thalita, que acertou o travessão e quase marcou um gol olímpico no Joaquinzão.

Quando o Esmac começou a tentar criar oportunidades, a goleira Yolanda mostrou que não seria fácil. Aos 14, ela pulou firme para defender pênalti cobrado por Letícia, mantendo o placar em 2 a 0 e tranquilizando o Alviazul. Depois, chutes de fora da área de Rafa Marques e Thayna Marins assustaram o time paraense.

No fim, o time taubateano soube controlar o jogo e dominou as ações, garantindo assim a vaga para a decisão do acesso.

(Foto: Caíque Toledo / EC Taubaté)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s