Em jogo de gigantes, Sesi leva a melhor

Emoção do inicio ao fim, com Tie Break sendo fechado em 22 a 20

O EMS Taubaté Funvic sofreu sua terceira derrota na Superliga Masculina de Vôlei 2019/2020. Em jogo disputado na noite desta quarta-feira, 08/01, em São Paulo, os taubateanos foram superados por 3 sets a 2 (parciais 25×18 / 25×22 / 28×30 / 19×25 / 20×22) pelo SESI. A partida foi válida pela 11ª rodada da competição.

IMG_6223 (2)

Mesmo com a derrota, o Taubaté soma um ponto e chega aos 26 somados, terminando o primeiro turno na vice-liderança da Superliga Masculina. O líder é o Sada Cruzeiro (MG), com 30 pontos. O EMS Taubaté Funvic volta a jogar no próximo sábado, 11/01, quando enfrenta o APAN Blumenau, às 19h30, fora de casa.

O jogo: O técnico Renan Dal Zotto escalou como time inicial a formação com Rapha, Lucarelli, Douglas Souza, Lucão, Maurício, Mohamed e Thales como líbero. Entraram ao longo do jogo Lipe, Vissotto, Petrus, Carísio, Renan e Riad.

O primeiro set começou bastante equilibrado, com os dois times se estudando e apostando no saque tático. Melhor na defesa, o EMS Taubaté Funvic foi mais efetivo nas bolas de contra-ataque e teve nas bolas com os centrais sua principal força na primeira metade do set. O SESI cresceu na parte defensiva, mas não foi suficiente para buscar a reação. Com os ponteiros Lucarelli e Douglas Souza muito bem em quadra, o time taubateano administrou a vantagem e fechou o primeiro set em 25 a 18, em 29 minutos.

O segundo set começou com o SESI melhor em quadra, sacando forçado e tendo bom aproveitamento no bloqueio. O Taubaté tentou variar o saque e buscou as bolas de segurança com os ponteiros, mas continuou esbarrando na defesa do time da capital paulista. A reação veio efetivamente com boas passagens de Maurício e Mohamed pelo saque. Com mais volume de ataque, os taubateanos mantiveram a vantagem e fecharam em 25 a 22, em 29 minutos, fazendo 2 sets a 0.

O terceiro set seguiu bem equilibrado desde os primeiros pontos. O Taubaté seguiu sacando majoritariamente forçado, buscando quebrar o passe do SESI. O time da casa variou o saque buscando tirar as opções de passe do levantador taubateano. Os dois times se alternaram na liderança, mas sem abrir grande vantagem. O final do set foi equilibrado e cheio de emoção. O SESI chegou a ter 23 a 21, mas deu chance para o Taubaté reagir. Os visitantes buscaram a virada e tiveram quatro match points. O SESI não se entregou e evitou a vitória taubateana, buscando o empate e depois de dois set points, fechou em 30 a 28.

O quarto set foi de total domínio do SESI, que sacou melhor e foi superior em praticamente em todos os fundamentos. O Taubaté cometeu muitos erros e não conseguiu fazer funcionar as armas que lhe deram as vitórias nos dois primeiros sets. O SESI manteve o bom volume de jogo, o bloqueio funcionou e se manteve à frente para fechar em 25 a 19, forçando o tie-break.

O quinto e decisivo set começou equilibrado, com os dois times variando no saque. O Taubaté voltou a se encontrar e fez um set bom, com a recepção e o passe trabalhando bem e as bolas de meio ajudando bastante. O SESI manteve o bom volume de jogo e a decisão foi nos detalhes. O SESI chegou a ter sete match points, todos salvos pelo Taubaté, que lutou muito a cada bola até o final. Apesar da entrega, o SESI errou menos nos momentos decisivos e conseguiu fechar em 22 a 20, vencendo o jogo por 3 sets a 2. A partida teve um total de 2h51 de duração.

IMG_6174 (2)

O melhor jogador em quadra, premiado com o Troféu Viva Vôlei, foi Fábio do SESI-SP.

O maior pontuador do jogo foi Alan, do SESI, com 21 pontos. Pelo EMS Taubaté Funvic, os maiores pontuadores foram Lucarelli, Mohamed e Lucão, os três anotaram 20 pontos cada.

Definição da Copa Brasil

Com o final do primeiro turno, foi definido o adversário do EMS Taubaté Funvic na Copa Brasil de Vôlei 2020. Os taubateanos enfrentarão o Denk Academy Maringá Vôlei (PR), no ginásio do Abaeté. O horário do jogo ainda será definido pela CBV.  O torneio, que reúne os 8 melhores times do primeiro turno da Superliga terá sua primeira rodada, equivalente às quartas de final, no próximo dia 15/01. Os confrontos da Copa Brasil são todos em jogos eliminatórios simples. A fase final (semifinais e final) será realizada nos dias 24 e 25 de janeiro em Jaraguá do Sul (SC). O EMS Taubaté Funvic é bi-campeão da Copa Brasil – 2015 e 2017.

logo minclean blog

Próximo jogo Superliga

O EMS Taubaté Funvic volta a jogar no próximo sábado, 11/01, quando vai até Santa Catarina, onde enfrentará o APAN Blumenau, às 19h30, abrindo o returno da Superliga Masculina.

Confira a classificação da Superliga Masculina

http://superliga.cbv.com.br/classificacao-masculino.

Superliga masculina de Vôlei 2019/2020
1ª Fase / 11ª Rodada
SESI-SP 3×2 EMS Taubaté Funvic
Data: 08/01/2020 (quarta-feira)
Horário: 21h30
Local: Ginásio SESI Vila Leopoldina 

IMG_6288 (2)

 

Superliga Masculina de Vôlei 2019/2020 – 1ª fase / 1º turno
1ª Rodada
13/11, 20h00 – EMS Taubaté Funvic 3×0 APAN Blumenau (SC)

2ª Rodada
16/11, 21h30 – EMS Taubaté Funvic 3×0 Ponta Grossa Vôlei (PR)

3ª Rodada
20/11, 19h30 – Pacaembu/Vôlei Ribeirão (SP) 0x3 EMS Taubaté Funvic

4ª Rodada
23/11, 18h30 – EMS Taubaté Funvic 3×0 América Vôlei (MG)

5ª rodada
30/11, 18h00 – Vôlei UM Itapetininga (SP) 0x3 EMS Taubaté Funvic

6ª Rodada
04/12, 21h00 – EMS Taubaté Funvic 3×0 Denk Academy Maringá Vôlei (PR)

7ª Rodada
08/12, 20h00 – Vôlei Renata/Campinas (SP) 0x3 EMS Taubaté Funvic

8ª Rodada
13/12, 21h30 – EMS Taubaté Funvic 3×1 Fiat/Minas (MG)

9ª Rodada
18/12, 21h30 – SESC-RJ 3×2 EMS Taubaté Funvic

10ª Rodada
21/12, 21h30 – EMS Taubaté Funvic 0x3 Sada Cruzeiro (MG)

11ª Rodada
08/01, 21h30 – SESI-SP 3×2 EMS Taubaté Funvic

1ª fase / 2º turno

12ª Rodada
11/01, 19h30 – APAN Blumenau x EMS Taubaté Funvic

Elenco 2018/2019:
Ponteiros: Douglas Souza, Lucarelli, Matheus Celestino, Lipe e Renan Bonora
Centrais: Lucão, Petrus, Riad e Maurício Souza
Opostos: Leandro Vissotto e Mohamed Alhachdadi
Levantadores: Rapha, Fabiano Souza e Carísio.
Líberos: Thales Hoss e Rogerinho

Técnico: Renan Dal Zotto
Auxiliar Técnico: Maurício Thomas
Auxiliar Técnico: Sérgio Luis Cunha
Preparador Físico: Renato Sérgio Bacchi
Auxiliar de Preparação Física: Jaime Lansini
Fisioterapeuta: Miguel Ambrósio
Auxiliar de Fisioterapia: Maicon Douglas
Analista de Desempenho: Alexandre Leal
Massoterapeuta: Kleeva Albuquerque
Supervisor: Rafael Oliveira
Gerente: Ricardo Navajas

fotos: Amanda Demétrio/SESI-SP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s