CBF limita troca de técnico em clubes

O blog moataubate foi saber a opinião do técnico Marcelo Martelotte sobre o assunto.

Na ultima quarta-feira (24) a Confederação Brasileira de Futebol – CBF, reunida com os representantes dos 20 clubes da Série A, aprovaram uma proposta inédita, ou seja. a limitação de vezes de troca de técnico dentro de uma mesma temporada.

Apesar do placar ter sido justo (11 a 9), a proposta foi aceita. O clube poderá trocar duas vezes de técnico dentro de uma mesma temporada, a menos que ele tenha pedido demissão.

O clube , ao demitir o segundo técnico, terá que manter no comando um profissional caseiro, ou seja um auxiliar técnico que já deseja no clube, ou mesmo, o técnico das categorias de base.

A limitação não atinge somente os clubes, o técnico também terá limitação. O treinador poderá, dentro de uma mesma temporada, se demitir uma vez. A partir da segunda ele estará impedido de trabalhar na mesma série que ele estava.

Com relação a esse inedito assunto, fomos colher a opinião do técnico do E. C. Taubaté, Marcelo Martelotte .

O blog preparou três perguntas ao treinador, perguntas essas respondidas na mensagem de voz logo abaixo nesta matéria.

Perguntas:

1 – Como você vê essa novidade? Benefício ou prejuízo?

2 – A sequência de resultados negativos é o principal motivo que explica a dança das cadeiras de técnicos em nosso país. Raramente um técnico bem sucedido em uma equipe pede demissão.

Nesse quadro, quando a equipe não deslancha no campeonato e a diretoria troca o técnicos seguidas vezes, em muitas oportunidades o resultado esperado não vem pois, na maioria das vezes a culpa não é do técnico que nem tem tempo de implantar seu método de trabalho.

Você vê também dessa maneira?

3 – Falando do E.C. Taubaté. No ano passado, a paralização do campeonato paulista parece ter trazido prejuízo ao E. C. Taubaté que liderava a competição.

Neste ano, a paralização parece ter trazido benefício. Apesar do quadro ser diferente, desde sua chegada, você está tendo tempo para conhecer e transmitir ao elenco sua maneira de trabalhar .

Você concorda com essa afirmação?

confira a análise de Martelotte no áudio a seguir:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s