Taubaté toma virada da Lusa e continua a luta para sair das últimas colocações

O E.C. Taubaté perdeu para a Portuguesa no Canindé por 2 a 1, de virada e, de novo tomando gol no ultimo minuto de jogo e jogou com um a menos desde final do 1º tempo.

O Burrão teve Felipe em grande noite, praticando defesas difíceis além de defender um pênalti ainda no primeiro tempo. Garré também foi destaque no meio campo com raça marcou desarmou e lançou com perfeição.

A nota triste fica para o lateral Robertinho que após ter recebido cartão amarelo, cometeu uma falta desnecessário no meio campo, foi expulso e prejudicou a equipe taubateana a partir dos 40 minutos do primeiro tempo.

PRIMEIRO TEMPO

O Taubaté mostrou um bom primeiro tempo, não permitindo espaço aos atacantes da Lusa e em uma rápida jogada pela direita, Buchecha foi lançado, cruzou para  a área encontrando Claudinho bem colocado que de cabeça abriu o marcador ao 3 minutos de jogo.

A Portuguesa levou período aos 10 minutos, quando em bola cruzada, Gustavo França tocou de cabeça a bola saiu pela linha de fundo, próxima a trave direita de Felipe.

Com a vantagem no marcador o Taubaté passou a fazer marcação em seu campo de defesa, trazendo a Portuguesa para o ataque e foi em três lances de cruzamento perigos que Felipe apareceu para corta a trajetória da bola.

FELIPE DE NOVO

Em jogada dentro da área, aos 20 minutos, Matheus Nunes cometeu pênalti. Daniel Costa cobrou e Felipe defende parcialmente para em seguida a defesa tirar o perigo de vez.

Aos 43 minutos, Robertinho que já havia recebido cartão amarelo, comete falta desnecessária no meio campo e foi expulso, deixando o Taubaté com um a menos em campo.

A partir da expulsão, o Taubaté recuou sua equipe para aguardar o final do primeiro tempo com a vantagem.

Para o segundo tempo, Marcelo Martelotte manteve o mesmo time. Já a Portuguesa veio com duas alterações, saindo o zagueiro Luizão entrando Anderson Ligeiro e Luan substituiu o lateral Eduardo, jogando com dois alas, mostrando que o técnico da Lusa queria o time no ataque durante todo o segundo tempo.

Sem laterais e jogando com uma equipe com 10 em campo, a Portuguesa que já estava em campo com cinco atacantes, passou a dominar o campo defensivo do Taubaté que tinha em Garré o destaque no meio campo, marcando roubando bola e lançando Claudinho e Thiaguinho em busca de mais um gol.

E foi assim que aos 7 minutos Garre lançou Thiaguinho pela esquerda. O atacante em velocidade entrou na área e tocou para trás encontrando Claudinho que finalizou fraco proporcionando ao goleiro a defesa, perdendo uma grande chance de ampliar o marcador.

A Portuguesa aumentava a pressão, mas até então o Taubaté todo defensivo suportava e de novo Garré, aos 27, lança pela esquerda Claudinho que, com estilo dominou e bateu para o gol. A bola tocou na trave e saiu um lindo lance.

Em uma cobrança de escanteio pela direita a Lusa chegou ao empate. Na cobrança, Luiz Ricardo desvia no primeiro pau e o oportunista Léo Castro de cabeça empata.

Aos 37 e aos 38 o Taubaté respondeu e perdeu a chance de matar o jogo. O primeiro lance pela esquerda, Thiaguinho saiu em contra-ataque e, vendo o goleiro adiantado tentou por cobertura mas a bola saiu por cima. Em seguida foi a vez de Matheus Nunes receber pela esquerda um bom toque de Marcos Aurélio, foi a linha de fundo e cruzou. A bola passou em frente ao gol sem que ninguém conseguisse tocar para o gol.

Pelo menos o Taubaté que jogava com um a menos desde o final do primeiro tempo, não só se defendia como também aproveitava os contra-ataques.

Mas o castigo veio de novo aos 45 minutos. Em lance na entrada da área, Luiz Ricardo cruzou, Luan dentro da área com o peito ajeitou para Patrick que girou em cima da zaga e finalizou rasteiro no canto direito de Felipe que nada pode fazer. Portuguesa virando o marcador 2 a 1.

O empate até 45 minuto estava sendo um resultado justo para um Taubaté que jogou com 10 jogadores desde os 40 do primeiro tempo, não permitindo a Lusa tirar proveito da vantagem.

Na tabela de classificação o Burrão continua na 14ª colocação com 12 pontos, dois apenas na frente do Audax, 15º. Com 12 pontos também Monte Azul que com uma vitória a mais que o Taubaté ocupa a 13ª colocação.

O E.C. Taubaté jogou com: Felipe, Robertinho, Donato, Doni e Matheus Nunes; Jeferson Lima, Peloggia (Luís Fernando), Buchecha (Bruno Souza)  e Guilherme Garré (Thiago Primão); Thiaguinho (Marcos Aurélio) e Claudinho (Kauê) – Técnico: Marcelo Martelotte.

Na próxima rodada, o Taubaté volta à campo no sábado, dia 12 recebendo o XV de Piracicaba no Joaquinzão às 18h30. A Portuguesa vai até Osasco, enfrentar a equipe do Audax, às 11h.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s