Na última rodada o E.C. Taubaté muda o comando técnico e poderá ter Bambam de volta

Em busca de evitar a tragédia de um rebaixamento para a Série A3 a Diretoria do EC Taubaté resolveu demitir o técnico Marcelo Martelotte antes da ultima e decisiva rodada do campeonato da Série A2, chamando Luciano Henrique para o comando técnico em Rio Claro.

A campanha feita pelo E.C. Taubaté entendo, que não pode cair sob a responsabilidade do técnico Martelotte e sim do time que, em campo vem mostrando mau desempenho e, por várias vezes, deixando escapar preciosos pontos por falhas individuais seja de posicionamento, seja por desatenção às jogadas. O técnico não pode ser culpado por essas falhas do elenco e em várias oportunidades do fracasso da equipe, Marcelo Martelotte é que concedeu a entrevista após o jogo, uma maneira de preservar seus atletas.

A nota do Clube divulgada nesta segunda-feira pela manhã:

O Esporte Clube Taubaté informa que chegou a um acordo para a rescisão de contrato do técnico Marcelo Martelotte.

O Clube agradece os serviços prestados pelo profissional, que como treinador, ao todo, dirigiu a equipe em 62 partidas, e nesta passagem mais recente assumiu o comando durante a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista.

As próximas atividades do elenco serão comandadas pelo auxiliar técnico Luciano Henrique e pelo gerente de futebol Fábio Gomes.

CAMPANHA

O E.C. Taubaté nesta temporada montou um elenco que, a principio iria lutar pelo acesso, haja vista formado com jogadores que acumulam conquistas em seus currículos, não passou de uma campanha pífia sem brilho e decepcionante.

Em 14 jogos, fora apenas duas vitorias, sete empates e cinco derrotas.

Com apenas 13 pontos na tabela o time ocupa a 14ª colocação, à frente do Audax que na 15ª soma 11 pontos. O Red Bull ultimo colocado com 6 pontos já foi rebaixado.

Nessa ultima rodada que acontecerá as 15h00 do sábado, 19 a sorte do EC Taubaté será definida.

Em caso de uma vitória diante do Rio Claro, o EC Taubaté escapa sem depender de nenhum resultado. Em caso de empate, terá que torcer para que o Audax não vença o Oeste. Caso o Audax vença, o EC Taubaté terá que vencer o Rio Claro fora de casa.

Situação complicadíssima para o Burrão que deixou a definição para a ultima rodada.

Por mais que o técnico Marcelo Martelotte tivesse buscado, em várias oportunidades, opções diferentes na formação da equipe, deixando inclusive atletas que vieram para serem titulares no banco, como o caso de Marcos Aurélio, a equipe chegou a mostrar bom futebol, sendo superior ao adversário mas dentro de campo cometia erros que custaram alguns pontos que hoje faltam. Exemplo: A derrota para a Portuguesa Desportos, quando, ainda no primeiro tempo, Robertinho que já havia tomado cartão amarelo, abusou da falta em uma jogada no meio campo, e foi expulso, deixando a equipe com 10 jogadores. Mesmo à frente no placar, 1 a 0, e com dez jogadores o time suportava a pressão da Lusa, com o goleiro Felipe realizando grandes defesas, inclusive defendendo uma penalidade. Em campo o time não conseguiu segurar a pressão da Portuguesa no segundo tempo, tomou o gol de empate aos 30′ e aos 45′ toma o gol com o atacante Patrik da Portuguesa dentro da área, girou sendo observado por três defensores taubateanos. Contra o Primavera em casa, de novo o Taubaté deixa escapar dois pontos importantíssimos quando leva o gol de empate também aos 45′ do segundo tempo, em nova falha da marcação defensiva. Vander cobrou falta cruzada, a defesa taubateana ficou olhando a trajetória da bola, ninguém subiu e Samuel, aproveitando o espaço deixado entre a zaga e o goleiro Felipe, subiu sem marcação e de cabeça empatou o jogo. Poderíamos citar aqui outros jogos que foram decisivos para o Taubaté, a derrota para a Portuguesa Santista 1 a 0, quando a Briosa com péssima campanha não vencia há 8 jogos. O empate em Monte Azul 1 a 1.

A campanha é retrato do desempenho da equipe em campo.

Agora a Diretoria em busca de mexer com o elenco, demite o técnico Marcelo Martelotte e chama Luciano Henrique para comandar a equipe em Rio Claro.

Já que é pra mexer com o elenco, a Diretoria deveria também relacionar para esse importante jogo, somente os atletas que realmente estejam focados, empenhados em uma vitória.

BAMBAM

A boa notícia para os taubateanos é que, até sábado há grande chance do artilheiro Bambam ter condições de jogo, podendo ser uma grande opção ofensiva para o E.C. Taubaté.

Autor dos três gols na vitória do Burro diante do Audax e dois gols no empate com o Primavera, atacante Bambam passou a ser a grande opção ofensiva mas ainda na partida contra o Primavera, por volta dos 30 minutos da etapa final,  em uma jogadas de velocidade, o artilheiro taubateano sentiu estiramento muscular e foi retirado de campo sem condições de retornar, estando no departamento médico em tratamento até o momento mas com grande chance de jogo no sábado .

Agora é torcer por uma derrota ou empate do Audax diante do Oeste e um empate ou uma vitória do E.C. Taubaté em Rio Claro.

Toda a rodada da Série A2, os jogos serão realizados no sábado (19) às 15h00.

Boa sorte E.C. Taubaté nessa ultima rodada, permanecendo na Série A2.

fotos: Caique Toledo / Bruno Castilho/EC Taubaté

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s